Hoje,21 de setembro de 2020

Policial é assassinado na frente do filho em Teresina

O garoto ficou em estado de choque e foi levado para dentro da escola por professoras.

Um policial militar identificado como Samuel de Sousa Borges, de 30 anos, foi assassinado na frente do próprio filho no início da tarde desta sexta-feira (01), próximo a uma escola no bairro Jóquei, na zona leste de Teresina. Uma briga de trânsito teria motivado o crime. Samuel era policial do Batalhão de Rondas Ostensivas de Natureza Especial (BPRONE), mas atualmente estava a serviço da cavalaria da Polícia Militar do Piauí.

Segundo testemunhas, dois policiais militares que estavam em motocicletas, começaram a discutir no trânsito na Avenida Presidente Kennedy. O policial militar identificado como Francisco Ribeiro dos Santos Filho, que é lotado no 11º Batalhão da PM de Timon, começou a perseguir Samuel, que estava na moto na companhia do filho de cerca de 8 anos.

O cabo da PM, Samuel Borges, então resolveu parar na Avenida Senador Cândido Ferraz, para informar que era policial e encerrar a discussão. Ao virar as costas, o PM Santos atirou pelo menos 3 vezes contra Samuel.

O delegado geral Luccy Keiko, informou que os seguranças de uma escola particular ainda tentaram pacificar a discussão, no entanto, vítima e acusado se apresentaram como policiais e logo em seguida os seguranças saíram. “As testemunhas que presenciaram o fato viram a discussão nas imediações do colégio, que foram os seguranças. Eles perguntaram o que estava acontecendo e ambos se identificaram como policiais. O policial militar do Maranhão estava com a arma em punho e devolveu para a cintura e os seguranças acharam que havia pacificado a situação. Logo que eles se ausentaram do local ouviram os disparos”, explicou.

A criança chegou a gritar para que Santos não matasse seu pai. O garoto ficou em estado de choque e foi levado para dentro da escola por professoras.

Populares que presenciaram o crime, conseguiram deter o policial e o espancaram. Uma guarnição da PM, que estava próxima ao local, levou o acusado para o Hospital de Urgência de Teresina. Ele será conduzido para a Central de Flagrantes de Teresina posteriormente.

O cabo da PM, Samuel Borges que foi de forma covarde.

O cabo da PM, Samuel Borges.

Do GP1 Teresina

Comentários do Facebook
Compartilhar

Política de Privacidade dos Comentários

Os comentários regidos pelos leitores NÃO representam a opinião do Portal Coelho News. tendo como a autoria e total responsabilidade do autor da mensagem. Ofensas, preconceitos, ou qualquer mensagem que incita o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas.

O objetivo do painel de comentários é promover o direito da liberdade de expressão, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade, abrindo espaço para um debate de acordo com o tema da matéria.

O Redator-Chefe do Portal Coelho News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido!