Hoje,26 de maio de 2022

‘Prefeito, até quando a população vai sofrer?’ indagou Albino, ao acompanhar sofrimento de criança coelhonetense

Albino em visita a família do garoto enfermo. FOTO: Reprodução

No inicio desta semana, o investigador, Albino Klaubert, fez mais uma denúncia grave sobre o descaso do governo Américo, envolvendo o caso do garoto Enzo. A família da criança estava ha meses, indo para um lado e outro sem ter nenhuma solução para o problema que só se agravava.

Veja a nota de indignação de Albino

“Diante de tanto descaso deste prefeito que maltrata a população, diante de tantos absurdos desta saúde pública municipal onde a população sofre diáriamente. Fiquei assustado com o relato de Elisabete avó de Enzo que nos procurou no Domingo dia 10 de novembro e relatando o sofrimento com a demora e a falta de compromisso deste prefeito que a 03 meses fazia a família ficar andando de um lado para outro sem resultados, agravando o problema da criança”.
“Faltou transporte para tratamento, NÃO deu todos os exames para o tratamento, NÃO encaminhou a documentação, NÃO fez o procedimento correto para internação”.
“Prefeito!… até quando a população vai sofrer o descaso desta sua péssima administração pública municipal, quantas e quantas vezes os relatos de pacientes que andam para secretária sem resposta, um absurdo!!!”

Do Portal Leste Maranhense

Compartilhar

Política de Privacidade dos Comentários

Os comentários regidos pelos leitores NÃO representam a opinião do Portal Coelho News. tendo como a autoria e total responsabilidade do autor da mensagem. Ofensas, preconceitos, ou qualquer mensagem que incita o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas.

O objetivo do painel de comentários é promover o direito da liberdade de expressão, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade, abrindo espaço para um debate de acordo com o tema da matéria.

O Redator-Chefe do Portal Coelho News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Deixe um comentário

error: Conteúdo protegido!